Novo endereço do nosso site

Novo endereço do nosso site
Feminismo Diabolico

domingo, 29 de setembro de 2013

Advogado é custo, engenheiro é produtividade' ,diz Dilma Rousseff em Nova York

Advogado é custo, engenheiro é produtividade' ,diz Dilma Rousseff em Nova York

A presidente Dilma Rousseff apresentou hoje seu plano de investimentos de infraestrutura a investidores internacionais reunidos na sede do banco Goldman Sachs, em Nova York. A presidente disse não temer ressalvas do capital internacional em relação ao país: “risco jurídico não existe no Brasil”. “Se existe um país no mundo que respeita contratos, esse país é o Brasil”, disse a presidente.
A informação é publicada pela revista Exame e reproduzida por Nação Jurídica, 25-09-2013.
“Não interessa por qual governo. Contrato assinado é uma questão de Estado.” Antes do discurso de Dilma, os outros integrantes do primeiro escalão do governo, entre eles os ministro da Fazenda, Guido Mantega, e do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, foram questionados pela plateia sobre eventuais riscos jurídicos de investimentos no Brasil.
Dilma disse que o projeto de leilões de concessões é parte da segunda fase do seu projeto de desenvolvimento. Na década passada, o momento foi de aceleração do crescimento econômico, o aumento da renda e a redução da desigualdade. Agora, afirmou a presidente, é a hora de buscar a produtividade, uma “pré-condição para nos tornarmos um país de média e alta renda”.
Além da questão logística, Dilma afirmou que os investimentos em educação são essenciais. “Somos um país que formava mais advogados que engenheiros. Advogado é custo, engenheiro é produtividade”, disse a presidente, para risos da plateia reunida no auditório do Goldman Sachs.
A presidente reafirmou seu compromisso com a estabilidade econômica e o combate à inflação, como haviam feito anteriormente (e exaustivamente) os ministros Mantega e Pimentel e o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini. Dilma também fez as obrigatórias referências à “burocracia empedernida” do país e a necessidade de haver mais “racionalidade na ação do Estado”.

Fonte: http://www.ihu.unisinos.br/noticias/524175-advogado-e-custo-engenheiro-e-produtividade-diz-dilma-rousseff-em-nova-york-

Nosso comentário: Essa é a primeira vez que eu concordo com a Presidente Dilma. Não vou votar nela, acho que ela está fazendo um péssimo governo; mas sobre essa frase dela eu sou obrigado a concordar com ela: "Advogado é custo, engenheiro é produtividade". Infelizmente no Brasil havia aquela cultura dos bacharéis, aquela idolatria ridicula pela Profissão de Mefistófeles. E isso era justificável porque o Brasil até hoje é um país de abutres, de urubus, de criaturas peçonhentas, de hienas que só conseguem se dar bem, quando ferram e puxam o tapete de outra pessoa, ou seja, um terreno fértil para ladrões, traficantes de drogas, politicos corruptos e ADVOGADOS DA OAB. Um país que fica muitas décadas estagnado, como o Brasil, desenvolve uma classe social de pessoas especializada em roubar e passar a perna em outras. No Brasil esse papel foi feito pela OAB que se tornou a ONG mais especializada em extorquir pessoas através de honorários de divórcios, pensões alimenticias e mil e um outros golpes e esquemas Ponzi. Um país onde há crescimento econômico, os jovens mais inteligentes procuram as carreiras de Engenharia, pois os engenheiros constroem coisas, constroem prédios, Usinas, fábricas, plataformas de petróleo, estradas, ferrovias, computadores e tudo o que há de bom numa sociedade. Uma sociedade que está progredindo, forma engenheiros. Uma sociedade que está morrendo e se degenerando forma advogados e professores esquerdistas de Federais.  Ou o Brasil acaba com a OAB ou a OAB acaba com o Brasil.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

ShareThis

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...