Novo endereço do nosso site

Novo endereço do nosso site
Feminismo Diabolico

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Kaley Cuoco afirma que não é feminista e gosta de servir o marido

Kaley Cuoco afirma que não é feminista e gosta de servir o marido

“Gosto da ideia de mulheres cuidando dos seus homens”, afirmou a atriz.
por: Redação
| 30 de dezembro de 2014



A atriz Kaley Cuoco, da série “The Big Bang Theory”, declarou à revista americana “Redbook” que não se sente como uma feminista, gosta de servir o marido e adora ser uma dona de casa.
A repórter Natalie Finn perguntou a Kaley se ela se considerava uma feminista. “É muito ruim se responder ‘não’?”, perguntou a entrevistada. Ela explicou que entende “as coisas são diferentes agora”, mas ela não é uma garota que exige igualdade porque, talvez, nunca tenha “passado por uma experiência de desigualdade”.
Kaley afirmou que cozinha para o tenista Ryan Sweeting todas as noites da semana porque adora se sentir uma dona de casa. “Gosto da ideia de mulheres cuidando dos seus homens”, disse. Segundo a artista, ela tem tanto controle da carreira que ela só deseja chegar em casa e servir o marido.
A publicação será lançada apenas na próxima terça-feira (6), nos Estados Unidos

Mulher diz que ajudou a matar o menino Bernardo por dinheiro


Amiga diz que ajudou a matar Bernardo por dinheiro

A assistente social Edelvania Wirganovicz ajudou a matar o menino Bernardo Boldrini, de 11 anos, por R$ 20 mil. A informação foi divulgada ontem pelo jornalZero Hora, de Porto Alegre, que teve acesso ao depoimento que a mulher deu à polícia, em 14 de abril.
“Era muito dinheiro e não teria sangue nem faca. Era só abrir um buraco e ajudar a colocar dentro o menino”, disse Edelvania, de 40 anos. Ela está presa, assim como o pai da criança, o médico Leandro Boldrini, de 38 anos, e sua atual mulher, Graciele Ugulini, de 32 anos, acusados da morte do menino.
Edelvania disse que recebeu R$ 6 mil e que usou o dinheiro para pagar uma parcela de seu apartamento, comprado por R$ 96 mil. Seriam R$ 20 mil no total. Entretanto, Graciele teria se disposto a quitar o imóvel.
Aos policiais, Edelvania relatou que todo o plano para matar e esconder o corpo de Bernardo foi de Graciele. Segundo a assistente social, Boldrini não tinha conhecimento. “Ele não sabia, mas, futuramente, ele ia dar graças de se livrar do incômodo, porque Bernardo era muito agitado”, teria ouvido da madrasta.
Em 4 de abril, Bernardo foi levado à cidade de Frederico Westphalen, vizinha a Três Passos, onde morava, para supostamente visitar uma “benzedeira”. Conforme o depoimento, Edelvania e Graciele, cujo apelido é Kelly, “mandaram ele deitar sobre uma toalha de banho cor azul. Kelly aplicou na veia do braço esquerdo, com uma seringa, e ele foi apagando”.
Nenhuma das duas conferiu a pulsação de Bernardo antes de enterrá-lo. O menino foi despido e colocado na cova, feita dias antes por Edelvania. Graciele jogou soda no corpo, para que a decomposição fosse mais rápida, e tapou com pedras e terra.
Segundo Edelvania, Graciele lhe confidenciou que pensava em matar o menino fazia tempo. Teria até mesmo tentado asfixiá-lo. A tentativa foi relatada por uma ex-babá à avó materna de Bernardo, Jussara Uglione, de 73 anos, que tentava na Justiça a guarda do menino.

Lentidão

Jussara, que antes de velar o neto havia enterrado a filha - primeira mulher de Boldrini, cuja morte foi apontada como suicídio e que pode ter a investigação reaberta -, lamenta que as autoridades não tenham agido diante das denúncias apresentadas por ela e por seu advogado ao Conselho Tutelar de Três Passos e à Promotoria da Infância e Juventude.
Desde a morte da filha, Odilaine Uglione, em 2010, Jussara havia perdido contato com o neto. Diz que Boldrini impedia a aproximação. “Meus advogados têm comprovantes de que fui impedida de vê-lo desde a morte da minha filha. Fui impedida por quatro anos, me chamavam de velha doente, falavam que eu tinha problemas e não teria condições de cuidar dele”, conta.
O advogado de Jussara, Marlon Balbon Taborda, informou, em e-mail ao Conselho Tutelar e à promotora Dinamárcia Maciel de Oliveira, que a avó tinha informações de que Bernardo não estava mais com o pai, mas com uma pessoa identificada como Jú. O advogado explica que conversou com uma pessoa chamada Elaine, “que me expôs de forma categórica ao telefone que Bernardo estava andando pela rua, abandonado, que quase foi asfixiado em uma noite quando estava em casa, fato confirmado pelo menino”. Elaine nunca foi chamada a depor.
O advogado diz que os órgãos da rede de proteção da criança foram chamados para confirmar os acontecimentos. “Demos nomes de testemunhas a serem averiguadas, mas nunca recebemos qualquer retorno”, reclama. “O menino sofria maus-tratos. Ela (Graciele) não deixava que ele entrasse em casa enquanto o pai não chegasse. Ele ficava sentadinho na calçada. A Justiça sabia disso, porque toda a vizinhança o via sentado na calçada”, diz a avó.
O pai havia sido chamado pelo Ministério Público para conversar sobre a guarda, mas ele insistiu que queria ficar com Bernardo e pediu uma chance. Para a promotora da Infância de Três Passos, tudo o que estava ao alcance do MP foi feito.

Fonte: https://br.noticias.yahoo.com/amiga-diz-ajudou-matar-bernardo-dinheiro-121700410.html

Feministas ameaçam trans que frequenta banheiro feminino: “Vamos cortar a sua pica”

Feministas ameaçam trans que frequenta banheiro feminino: “Vamos cortar a sua pica”
Por: Jefferson Ulisses 5 dez, 2014



Feministas e transexuais, transgêneros e não sei mais o que estas cabeças são capazes de inventar, são mesmo muito engraçados.
Os trans adoram bater no peito e mostrar o quanto defendem as causas feministas. E ao mesmo tempo as feministas adoram bater no peito e mostrar o quanto defendem a causa trans.
Contudo tem um problema: Os transexuais são homens.
Resultado: As feministas não estão nem um pouco satisfeitas com o fato de homens estarem frequentando o banheiro feminino. Vejam a reportagem do Virgula
Todos sabem que a transfobia atrapalha a inserção de travestis e transexuais na universidade e no mercado de trabalho. E o simples fato de ir ao banheiro ainda hoje pode se tornar um grande complicador e o motivo para a evasão universitária.
A estudante Amara Moira, doutoranda em Teoria Literária pela Unicamp, em Campinas, interior de São Paulo, contou publicou em seu Facebook as ameaças e constrangimentos que vem sofrendo por mensagens no banheiro.
“Vamos cortar a sua pica”, “Ser mulher não é calçar os nossos sapatos” e “Não deixe que os machos invadam seus espaços”, são algumas das mensagens que ela leu nas paredes do banheiro e que aparecem com um símbolo feminista.
Amara afirma que, ao lado de Bia Pagliarini e de Jéssica Milaré, fez uma denúncia para a Diretoria Acadêmia e que irá solicitar que a Unicamp faça capacitações e sensibilizações sobre as pessoas trans para funcionários e alunos. Ela alega que o tratamento destinado ao grupo é de “segunda classe”.
A estudante lembra que a divisão por sexos no banheiro ocorreu para proteger mulheres da violência, mas que ela (a divisão) se naturalizou tanto ao ponto de as pessoas considerarem natural o critério da genitália. “O lugar onde travestis e transexuais farão suas necessidades básicas não interessa às radicais feministas, nem o fato de, ao entrarmos nos banheiros masculinos, sermos ameaçadas, agredidas, assediadas”, defendeu.
Outra denúncia da estudante é a dificuldade de ter o nome social utilizado, inclusive no RA – a carteirinha estudantil. “Expusemos numa reunião com a Diretoria Acadêmica todos os constrangimentos que sofremos com o nome social tal qual oferecido pela Unicamp. Só existem seis requisições de nome social na Unicamp. Seis dentre quase quarenta mil estudantes. Por ora somos seis, mas agora cansamos de esperar”.

Fonte: http://liberdadeeconomica.com/jeffersonulisses/2014/12/05/feministas-ameacam-trans-que-frequenta-banheiro-feminino-vamos-cortar-a-sua-pica/





Porque Raj Não Fala Com as Mulheres

Porque Raj Não Fala Com as Mulheres






Um dos personagens mais engraçados da série The Big Bang Theory, principalmente pela sua peculiaridade de não falar com pessoas do sexo oposto. Mas, para quem ainda não acompanha muito o seriado não entende o porque do indiano não se comunicar com as mulheres. Raj tem essa dificuldade desde que se conhece por gente, por diz que é uma doença que ele desenvolver quando criança de não conseguir falar com o sexo oposto. Ele implica com os amigos e mostra que isso é realmente verdade e por isso tem tanta dificuldade para se relacionar com uma garota.
Mas, em determinado episódio, ele descobre que se beber alguma coisa ele consegue dialogar com as mulheres, em especial com Penny, por quem se apaixona em algum determinado momento da série e até diz que eles tiverem uma noite de amor, que no mesmo capitulo é desmentido por ele mesmo, pois não queria machucar o seu amigo Leonard e nem a sua amiga Penny.
Raj, em um capítulo das últimas temporadas percebe que está falando com Penny sem precisar beber nada. Mas, ele está triste, pois perdeu uma namorada que gostava bastante, mas ela é envergonhada do que ele e não gosta de se relacionar com nenhum tipo de pessoa, por sofrer se ansiedade social, algo que deixa as pessoas com muito mais vergonha do que o normal.

Leia mais: http://www.comofazer.com.br/porque-raj-nao-fala-com-as-mulheres/#ixzz3NTiloJ6P

Meus comentários: Olha galera, a única forma da gente se proteger de alguma falsa acusação feita por alguma mulher é ficando longe delas e não falando com elas. Nós precisamos parar de nos comunicar com as mulheres, a não ser nos estritos casos de necessidade profissional em função do serviço. Tirando essa exceção, em todos os outros casos, nós não podemos mais falar com as mulheres e nem DAS mulheres, porque senão elas vão querer nos processar de alguma coisa. Outra coisa importante é não acessar mais os sites feministas e nem twitter de feministas, Parem de falar com as mulheres e parem de se comunicar com as feministas. Nós não precisamos delas.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Os homens podem e devem sentir apenas MEDO das mulheres


Odeio homens
Homens morram
Eu sinto que ódio aos homens é um nobre objetivo politico
http://odeiohomens.tumblr.com/
Olha pessoal, eu sou diferente das feministas. Quando eu descubro que alguém me odeia, eu não fico tentando prender essa pessoa ou tentando irritar ela mais ainda. Eu simplesmente fujo dessa pessoa. A única reação positiva possivel sobre o ódio é o medo. Se as mulheres nos odeiam, como elas mesmas admitem isso, a única emoção que nós podemos ter em contrapartida é o MEDO. Nós precisamos ter MEDO das mulheres, principalmente das feministas, para podermos fugir delas e nos afastar delas, que é a única chancezinha remota que nós temos de sobreviver. E ainda assim não é garantido, porque mesmo sentindo medo das mulheres e querendo se afastar delas, ainda assim, elas nos perseguem e tentam nos destruir.
Mas nós homens não temos escolha: há somente uma emoção que o homem moderno poderá sentir e que poderá, talvez, salvar a sua vida da aniquilação que as mulheres querem provocar em nós. Mas nem isso é garantido no mundo ginocentrista de hoje em dia, porque as mulheres são intrinsecamente más e cruéis, mas, se você sentir MEDO das mulheres e fugir delas, você vai ter uma probabilidade maior de sobreviver. Qualquer outra emoção que você sinta pelas mulheres, vai te destruir.
Primeiro, que não adianta você ODIAR as mulheres, porque o ódio pode te levar a cometer ações que depois te colocariam na cadeia. O homem que odeia as mulheres tá fudido ao quadrado, porque toda a nossa sociedade não perdoa a minima ofensa feita a uma mulher. Portanto, não odeie as mulheres; apenas sinta MEDO delas.
Você também não pode sentir AMOR por uma mulher moderna, porque se você se apaixonar por ela, ela vai te escravizar e vai tirar tudo o que você tem no divórcio: o seu dinheiro, a sua dignidade, os seus filhos, a sua alegria e vontade de viver. No fundo, o objetivo de todas as mulheres hoje em dia é tirar dos homens a vontade de viver.
Sentir CULPA também é outra loucura que alguns homens cometem. Não se sinta culpado pelas desgraças que acontecem com as mulheres, porque no geral, foram elas mesmas que procuraram todo o mal que se abate sobre elas. Se você se relacionar com alguma mulher, namorar, ter amizade ou até conversar, invariavelmente a mulher vai conseguir fazer você sentir alguma culpa, mesmo que pequena. Pode ser a culpa de não ter pago para ela uma refeição ou algo maior como ter magoado os sentimentos dela. A única forma de um homem não se sentir culpado por alguma mulher é ficando longe de todas elas e, quando quiser sexo, procure uma travesti. É muito importante isso, nunca dê dinheiro para as mulheres, nem para as prostituas. Os homens precisam fazer o dinheiro circular apenas entre os próprios homens. Portanto, se você quiser ter sexo, pague uma travesti, porque a travesti pelo menos, no fundo é homem.
A INVEJA é uma emoção razoável que os homens podem sentir das mulheres e que poderá, graças a ela, estimular muitos homens a virarem travestis e, com isso, ajudarem os outros homens a se libertarem do sexo com as mulheres. Mas esse é o único tipo de inveja que o homem pode ter de uma mulher: a inveja das formas femininas dela e a vontade de ficar bonita e gostosa que nem ela. Qualquer outro tipo de inveja que você tenha de uma mulher, vai te conduzir para uma espiral descendente que vai destruir a sua vida. Se você tem inveja do emprego de uma mulher, é melhor você esquecer essa história e procurar outro hobby e se afastar totalmente dela.
O MEDO é a única emoção que você pode sentir por uma mulher e que te dará uma chance maior de você sobreviver nessa ditadura FEMINAZI que nós vivemos. Mas até isso não é garantido, porque as mulheres são mais malvadas do que o demônio e mesmo quando você diz que você tem medo delas, elas dão risada e tentam te intimidar ainda mais, só pelo prazer de ver um homem se curvar a elas. Mas no geral, sentir medo das mulheres é a única emoção que poderia, teoricamente salvar a vida de um homem, porque o medo incita à fuga e faz o homem se afastar da mulher e hoje em dia, se afastar das mulheres é a melhor coisa que um homem poderia fazer. Na verdade, os homens não precisam mais das mulheres hoje em dia. Nós temos os nossos amigos, a familia, a Igreja, as travestis. É tão melhor conversar e fazer sexo com uma travesti do que com uma mulher. Dá dó dos homens heteros que continuam a se rastejar para alguma mulher, quando a gente vê tantas travestis no mundo cheias de amor para dar. As mulheres não gostam de nós, elas nos odeiam e nos detestam. A única razão pela qual os homens se rastejam ainda pelas mulheres é devido a uma programação genética obosoleta, a mesma que faz a aranha-macho copular com a viúva negra para depois ser devorado por ela. Os animais não podem fugir de seu destino biológico; mas nós homens podemos. Nós não precisamos mais ser homens-louva Deus que têm a sua cabeça devorada pela fêmea depois da cópula. Sintam MEDO das mulheres, de TODAS as mulheres, porque o MEDO afasta você das mulheres e te protege de falsas acusações de estupro. Não converse com as mulheres, não tenha amizade com as mulheres e nunca dê o seu dinheiro para mulher alguma. Ame apenas as travestis, porque só as travestis merecem o amor dos homens e só as travestis correspondem ao amor que os homens sentem por elas.
Qual é a diferença do ódio e do medo? Existem algumas diferenças e basicamente se refere às consequencias de ambas as emoções. Tanto o ódio quanto o medo surgem naturalmente diante de um perigo e de uma ameaça. Mas o ódio é uma emoção de LUTA, enquanto que o medo é uma emoção de FUGA. O ódio surge, quando o seu inimigo tem mais ou menos a sua força e há a possibilidade de você derrotá-lo, como um adversário no ringue de boxe. O Medo surge quando o seu adversário é muito mais forte do que você e fica evidente que você nunca vai derrotá-lo e a única forma de você sobreviver é se você fugir dela. O medo surge quando um rinocerente furioso começa a correr na sua direção. Você vai sentir o que pelo rinoceronte? Ódio? Se você sentir raiva do bicho, você vai investir contra ele. Não é muito melhor você sentir MEDO do rinoceronte, que é muito mais forte do que você, para que você fuja e talvez suba numa árvore, para se salvar?
É o mesmo caso com as mulheres modernas feministas. As mulheres são rinocerontes. As mulheres se tornaram fortes em virtude das leis ginocentristas na nossa sociedade o que as tornaram invulneráveis. Para você prejudicar uma mulher, você teria que pagar com a sua própria vida e isso não vale a pena. Não há como vencer uma mulher hoje em dia. Mesmo quando elas não tem razão, mesmo quando elas estão obviamente mentindo descaradamente, ainda assim, o sistema judical e a opinião publica sempre dão ganho de causa para as mulheres. A nossa sociedade é um gigantesco campo de concentração nazista e nós homens somos os judeus. Nós estamos destinados a desaparecermos da face da Terra. Um judeu na Alemanha nazista não podia odiar os nazistas. Mas, se o judeu sentisse MEDO dos nazistas e fugisse deles para a União Soviética, talvez o judeu poderia sobreviver. As feministas são as nossas nazistas, são as todo poderosas que querem nos perseguir e arrancar o nosso couro e nós, assim como os judeus na segunda guerra, não temos a minima chance de vencê-las ou de infligir qualquer dano a elas. Tudo o que podemos fazer é fugir e nos afastar das mulheres. Até porque, no fundo, é evidente que é isso que elas querem de nós: que nós nos afastemos delas. As mulheres não gostam da gente, nunca gostaram e agora elas estão expressando o que verdadeiramente sentem por nós: ódio, asco e desprezo. É muito mais digno você namorar uma travesti, que te ama e que gosta de você de verdade, do que você ficar se rebaixando para uma mulher que só te despreza e quer o seu mal. Nós tentamos destruir o feminismo; mas nós não conseguimos. Agora, só nos cabe tentarmos salvar a nós mesmos das mulheres. E, para isso, é preciso nos afastarmos delas e desistirmos delas.
Agora deixem-me por um momento tentar persuadir um pouco as feministas espiãs que sempre estão a acessar o meu site para falar mal de mim.
Veja bem minha cara FEMINAZI, não há razão nenhuma para você me combater e me criticar, porque eu sou diferente de todos os outros masculinistas, como você pode facilmente perceber. Não há possibilidade das minhas idéias prejudicarem vocês mulheres, porque eu não tento ensinar os homens a se relacionar com as mulheres; e nem a odiarem as mulheres; mas antes, eu só ensino os homens a se afastarem das mulheres e a fugirem delas. Se todos os homens procurarem travestis, a violência contra a mulher cairá para zero, não é mesmo? Nunca mais haverão estupros de mulheres e nem mulheres que tenham sofrido violência doméstica de seus maridos, simplesmente porque todos os homens terão desistido das mulheres e terão se afastado de todas vocês. Não é isso que vocês sempre quiseram? Que nós homens ficassemos longe de vocês? Pois então ai está: eu estou dando isso para vocês agora, eu estou dando a chance para todas as mulheres se livrarem de vez dos homens e nunca mais serem estupradas e nem serem violentadas por algum homem, porque os homens simplesmente vão ficar sempre longe de todas vocês. É por essa razão que não faz sentido as feministas me criticarem e me combaterem, porque no fundo, as minhas idéias vão proteger as mulheres dos homens, já que vão afastar os homens de todas as mulheres.
ricky-martin3 Desista das mulheres

domingo, 28 de dezembro de 2014

Um Amor de Família - T01E07 - Casados Sem Filhos - Dublado



Um Amor de Família - T01E07 - Casados Sem Filhos - Dublado por MarcelloQuintela no Videolog.tv.





Por que mulheres preferem gatos e as travestis preferem cachorros?



O Animal de estimação preferido das Feministas:


Vocês já repararam nos insultos e elogios que as mulheres fazem contra os homens? Quando as mulheres querem ofender um homem, elas o chamam de CACHORRO. Mas, quando as mulheres querem elogiar um homem, elas dizem que ele é um GATO.
Nós todos sabemos que os cachorros são muito melhores, mais leais, mais amigos do que os gatos. Então, porque chamar alguém de cachorro é uma ofensa, ao passo que chamar um homem de “gato” é elogio?
Isso se deve aos valores invertidos das mulheres, que consideram o mal, como sendo bom e o bom, como sendo mal. As mulheres gostam dos gatos, porque as mulheres se identificam inconscientemente com os gatos. As mulheres são como os gatos: traiçoeiras, dissimuladas, interesseiras e traidoras. É por isso que toda feminista sempre tem um gato preto, porque o gato é traiçoeiro, dissimulado e traidor igual à elas.
FEMINISTA E O SEU GATO PRETO:

E as mulheres conseguiram de fato inverter tanto os valores da sociedade, que até os homens preferem ser chamados de GATOS do que de CACHORROS, porque para as mulheres, “Cachorro” é xingamento.
Nós podemos dizer que o animal de estimação que a pessoa possui, reflete os seus gostos e personalidade. Assim, se a pessoa prefere ter um gato, é porque ela é uma dissimulada que não dá valor para a lealdade, honestidade e amizade. Já se a pessoa prefere ter um cachorro, ela dá valor para os valores da honestidade, da lealdade e da amizade.
Dessa forma, esse é um dos critérios fundamentais de seleção: nunca namore mulheres que tenham gatos de estimação, porque se elas têm gatos, é porque elas são umas interesseiras, falsas e dissimuladas.
Agora só para comparar, vejam só o video abaixo, da adorável travesti Domino Presley brincando com o seu cãozinho:
Linda, gostosa, feminina e gosta de cachorros. Ah, mas ela não tem uma buceta. Ora, justamente por isso que ela é melhor do que as mulheres-lixo que nós temos hoje em dia. Me mostre uma única feminista que tenha um cachorro, ao invés de um gato.
E por que as feministas não gostam de cachorros? É porque os cachorros representam tudo aquilo que as mulheres não são: honestos, leais, sinceros e bondosos. Os cachorros encarnam as qualidades masculinas e machistas que despertam aversão nas feministas: a lealdade, a sinceridade e o amor puro. Vejam o video abaixo do cachorro tentando salvar o peixe que está morrendo.
Cachorro tenta salvar seu amigo da morte:





Já as feministas, elas preferem os gatos, porque os gatos são umas tranqueiras iguaizinhos à elas mesmas:

Bill Burr–Epidemia de Vadias

 

MV - 1

sábado, 27 de dezembro de 2014

Defensor da ‘cura gay’ se casa com outro homem

Ex-líder de grupo que dizia que a homossexualidade era um pecado e defendia que os gays eram 'curáveis' acaba de se casar com um homem. Assim que deixou o grupo, John Smid se desculpou por ter prejudicado "adolescentes que já estavam em uma situação delicada na vida"

john smid cura gay homofobia

John Smid (esq) liderou durante 18 anos um grupo que pregava a ‘cura gay’. Ele se casou essa semana com o seu parceiro Larry McQueen (divulgação)

O ex-ativista anti-gay John Smid desistiu de lutar contra a homossexualidade, e após 18 anos de militância resolveu assumir sua orientação sexual e se casar com um homem.

Entre 1990 e 2008, Smid liderou o grupo “Love in Action”, que apoiava a “cura gay” em crianças e adolescentes. O ex-líder dizia que os homossexuais eram “pecadores” e pedia orações para que os gays se distanciassem. As informações são do Daily Mail.

Assim que deixou o grupo, Smid se declarou homossexual e disse que nunca conheceu nenhum “ex-gay”. Já em 2010, o ex-ativista se desculpou por ter prejudicado “adolescentes que já estavam em uma situação delicada na vida”. Na última semana, John anunciou a oficialização da união com o namorado, Larry McQueen.

“Eu tinha fé de que algo iria acontecer (conseguir mudar a orientação sexual), mas isso nunca aconteceu. Agora, na minha idade, já não tenho muitos anos restantes, não posso viver mais assim pelo resto da minha vida. Então, eu pensei que não, eu não estou disposto a continuar empurrando algo que não vai ocorrer”, desabafou.

“Conheci McQueen gradualmente, até que chegou um momento em que descobrimos que queríamos conhecer melhor um ao outro por meio de uma relação amorosa. Conforme saíamos, compartilhávamos as mesmas expectativas de vida, filosofias pessoais e nossos valores de fé. Encontramos uma compatibilidade que era confortável e emocionante”, escreveu ele ao lado da foto do namorado.

Fonte: http://www.pragmatismopolitico.com.br/2014/11/defensor-da-cura-gay-se-casa-com-outro-homem.html

Com suficiente tentação todo homem vira bi - Copia

Seu processo rumo a homossexualidade já começou

Eu adoro a Domino Presley, ela é inacreditavelmente linda e feminina. Quando a gente olha para uma foto da Domino Presley é o nosso cérebro reptiliano que é ativado. É impossivel não se sentir irresistivelmente atraído por ela. Até porque a beleza é uma proporção matemática exata expressa pelo número Fi ou sequência de Fibonacci. A beleza não é uma questão de opinião; ela é uma proporção matemática exata: a proporção áurea: 1.168. Qualquer objeto, criatura ou musica que tenha a proporção áurea, será considerado esteticamente belo. E a travesti Domino Presley é a criatura mais próxima da perfeição matemática da proporção áurea, o que a torna a mulher mais linda do universo.  Mas ela não é uma mulher; ela é melhor do que uma mulher: ela é uma travesti. É impossivel olhar para a galáxia de Andrômeda e não achar a sua espiral linda e maravilhosa, porque a espiral daquela galáxia é perfeitamente proporcional de acordo com a Proporção Áurea. Assim como é impossivel olhar para a travesti Domino Presley e não achá-la linda, porque a Domino Presley é perfeitamente proporcional de acordo com a Proporção áurea, o que a torna matematicamente linda e irresistivel. Nosso cérebro tem três partes: o córtex, o sistema límbico e o cérebro reptiliano. O córtex é responsável pelas altas faculdades cerebrais, pela moral, pelo raciocinio. O Sistema límbico é responsável pelas nossas emoções e sentimentos. Apenas os mamiferos possuem sistema límbico desenvolvido. Já o cérebro reptiliano é responsável apenas pelos instintos básicos de sobrevivência: comer, fugir, fazer sexo. Quando um homem vê uma foto da Domino Presley, o sistema reptiliano é ativado automaticamente: ele quer fazer sexo com ela, ele a deseja. Mas, o córtex cerebral dele e o Sistema límbico reprimem esse desejo de acordo com as crenças na qual o homem foi criado, do tipo: o homossexualismo é pecado ou errado. Pessoas assim, são as mais vulneráveis para se tornarem homossexuais, porque há um grande conflito entre o córtex e o sistema límbico versus o sistema reptiliano. A tensão, se for mantida por um período prolongado de tempo, produzirá, inevitavelmente o colapso do sistema nervoso central e originará o comportamente ultraparadoxal: o que antes a pessoa detestava, agora a atrai e vice-versa. Quanto mais machista, mais homofóbico e mais religioso for o homem, mais fácil é convertê-lo num homossexual. É inevitável, porque a atração não é uma escolha; mas é uma resposta biológica automática. Ver a Domino Presley e não querê-la é improvável e impossivel:

A atração não é uma escolha - Copia

Não resistam meus caros Padawans. Venham para o LADO ROSA DA FORÇA:

Venha para o lado rosa da força - Copia

DITADURA GAY BANNER DO SITE FEMINISMO DIABOLICO

ricky-martin3 Desista das mulheres

REBELEM-SE CONTRA AS MULHERES!!

Ou as mulheres desistem do feminismo, ou os homens vão DESISTIR DAS MULHERES:

Homem se casa com o cunhado e pede a guarda dos filhos

Homem se casa com o cunhado e pede a guarda dos filhos

Um caso no mínimo inusitado chamou a atenção dos 78 mil habitantes de Cacoal-RO. Um homem de 36 anos separou-se de sua esposa de 23 anos para ‘casar-se’ com o cunhado de 38.
Flávio Serapião Birschiner estava casado há dois anos com Ana Paula Rochinha Birschiner. O casamento parecia um conto de fadas até aparecer o ‘Lobo Mau’. Pedro Rochinha Siqueira, irmão de Ana Paula, e até então melhor amigo e único confidente, hoje é odiado pelas duas famílias.
Pedro Rochinha era conhecido na comunidade de Jardim Clodoaldo como um pastor íntegro e milagreiro. Em seus testemunhos se apresentava como ex-homossexual, e creditava ao espírito santo a reorientação de seu desejo sexual.
Ele que por oito anos se apresentou em boates gays sob o pseudônimo de Shirley Mac Lanche Feliz, depois de convertido virou o Pastor Rochinha. Com fama nacional por muitas vezes compareceu na qualidade de debatedor de temas ligados a ‘Religião & Sexualidade’ no programa Superpop da Rede TV.
Ana Paula acredita que seu casamento se desfez pela constante recusa em praticar sexo anal com o marido. Ela revela que “ele era obcecado por sexo anal, toda vez que transávamos ele pedia pra ao menos colocar a ‘cabecinha’. Eu sempre disse não por que acredito que ali não é lugar de entrar nada”.
Ela ainda afirma que confidenciou isso ao irmão que a disse: “não deixa mesmo não, além de ser pecado isso é sujo. E se der uma vez ele vai querer sempre”. Ana Paula acha que seu irmão se valeu desta informação estratégica para oferecer ao marido um diferencial competitivo.
Flavio deu entrada na justiça em um pedido de guarda definitiva dos filhos gêmeos por acreditar que “é melhor um filho ser criado pelo pai e pelo tio do que por uma mãe solteira”.
Fonte: http://www.tramadopormulheres.com.br/2011/04/15/homem-se-casa-com-o-cunhado-e-pede-a-guarda-dos-filhos/
Meus comentários: Eu sempre combati o casamento gay aqui, mas se porventura ele for legalizado, o que vai ter de mulher se ferrando nesse Brasil não está no gibi, hehehehe

DITADURA GAY BANNER DO SITE FEMINISMO DIABOLICO

ricky-martin3 Desista das mulheres


Tudo o que você disser ou não disser será usado pelas feministas contra você

Recentemente eu percebi um grande erro que eu cometi aqui no nosso site Feminismo Diabólico e inclusive era um erro que eu vinha cometendo desde a época da especialização em Gestão de Politicas Publicas em Gênero e Raça. O erro, foi dialogar com as feministas.

buddha1 a mulher é má

Hoje eu vejo claramente o quão errado é a gente discutir com uma feminista. Inclusive, o recente caso do Bolsonaro com a Maria do Rosário me fez perceber isso, porque eu estava agindo como o Bolsonaro ao ficar tentando convencer aquela Feminista Psicopata a ser correta e a ser melhor. O meu erro, assim como o erro do Bolsonaro, foi achar que a mulher no fundo quer fazer a coisa certa e, portanto, ela se convenceria com argumentos.
TUDO O QUE VOCÊ DISSER OU NÃO DISSER SERÁ USADO PELO TRIBUNAL FEMINAZI CONTRA VOCÊ
não mereço ser estuprada
Mas as mulheres nunca querem fazer a coisa certa. As mulheres nunca argumentam, nunca usam a lógica e nem nunca usam a razão. A maior desgraça na vida dos homens é o fato de que os homens desejam, no cérebro reptiliano, se aproximarem das mulheres. E isso é uma desgraça porque as mulheres não são dignas do amor e da boa vontade dos homens. O único motivo pelo qual os homens ainda se sentiam atraídos pelas mulheres é devido às formas femininas delas. Mas hoje, graças às travestis, os homens não vão mais precisar das mulheres para nada.
vaca
É só você citar o nome de alguma mulher, que ela já se acha no direito de te processar e de querer pegar pensão alimenticia de você, alegando que tem uma Relação Instável com você.
Até eu, que nem gosto de mulher, que fico longe das mulheres pois eu sempre gostei e só gosto de travestis, até eu estou sendo sistematicamente perseguido e prejudicado pelas feministas, porque eu me recuso a dar o meu dinheiro e as minhas oportunidades para elas, sem uma competição justa.
Todos os homens, tanto os gays quanto os heteros e mais as travestis, somando com os católicos, com os evangélicos, mais os muçulmanos e os judeus, e até os ateus e os comunistas verdadeiros, seguidores de Lênin, bem como a Direita politica, deveriam se unir, numa frente única de combate contra o feminismo. As mulheres tem direitos e elas devem ter direitos; mas elas não devem fazer coisas erradas, não devem acusar falsamente os homens de crimes que não cometeram e elas não devem seduzir os homens para roubar o dinheiro deles. É só isso que nós pedimos para as mulheres. Não pedimos mais nem amor, nem amizade e nem diálogo, porque pra mim, as mulheres não servem nem para sexo, nem para amizade e nem para conversar. Até conversar com uma mulher é um ato doloroso e prejudicial aos homens. Na minha opinião, os homens não tem mais escolha a não ser se afastarem das mulheres. Não vale a pena namorar uma mulher, não vale a pena ter amizade com uma mulher e não vale a pena nem conversar com uma mulher. Nós temos que ser 100% livres de mulheres nas nossas vidas, porque qualquer brechinha que você abra para alguma mulher, mesmo que seja só para criticá-la na internet, ela usará contra você para tentar te roubar e te fazer sustentá-la em processos judiciais.

Poucas mulheres hoje em dia vale a pena se relacionar. Dentre estas, é melhor você tentar se relacionar apenas com mulheres religiosas praticantes, ou com mulheres asiáticas. É importante também que a mulher seja virgem. Se a mulher não for virgem, então ela não serve nem para conversa e nem para amizade e muito menos para namoro e casamento. As feministas então, nem se fala, né? Um homem que namora e se casa com uma feminista merece ser um corno manso para o resto da vida e é isso que eu desejo para todo homem que se casa com uma feminista: que ele se torne um corno manso, porque é isso que traidores da causa masculina merecem.
modelos-japonesas-14
Enfim galera, a lição que eu aprendi neste ano de 2014 foi a de nunca se relacionar com mulher nenhuma, nem para amizade, nem para inimizade. É por isso que agora eu vou começar a seguir o exemplo do Padre Paulo Ricardo e vou tentar evitar citar nomes no meu site, para não abrir brecha nenhuma para essas feminisas se sentirem no direito de virem atazanar a minha vida. Não vou mais falar de pessoas no meu site, mas, tanto quanto possivel, vou apenas me focar em combater a ideologia do feminismo, evitando tanto quanto eu puder, de falar sobre qualquer feminista. Até porque, quando a gente fala de alguém, a gente corre o risco de ser descortês com essa pessoa ou de escrever uma coisa que seja má interpretada, não é? E mesmo eu não gostando das feministas e do feminismo, ainda assim, eu acho que as feministas tem os direitos delas, como o de se expressarem e o de serem tratadas com cortesia, porque é assim que a gente deve tratar as pessoas: com cortesia e com educação, mesmo quando a gente não gosta delas. Trate as feministas com cortesia; mas fique bem longe delas, nunca discuta com uma feminista e, se possivel, nunca converse e nem mantenha contato nenhum com as feministas e nem comente nada nos sites delas e nem mande e-mails para elas, porque as mulheres só usam a comunicação com os homens, para tentar prejudicá-los. Nós homens temos a nós mesmos, temos os nossos amigos, temos a Igreja Católica e agora, temos as travestis. Não precisamos mais das mulheres nem para conversar, nem para amizade e nem para sexo.

Após sofrer bullying, rapaz faz séries de mil abdominais e emagrece 40 kg

Após sofrer bullying, jovem faz séries de mil abdominais e emagrece 40 kg

Roberto conta que se sentia mal ao se olhar no espelho e sofria preconceito.
Jovem diz que um dos motivos da mudança foi a falta de sorte com garotas.

LG RodriguesDo G1 Santos

Jovem emagreceu 40 kg em um ano após sofrer bullying (Foto: Roberto Onety / Arquivo Pessoal)Jovem emagreceu 40 kg em um ano após sofrer bullying (Foto: Roberto Onety/Arquivo Pessoal)

Após sofrer bullying de várias pessoas por estar acima do peso, um jovem de Santos, no litoral de São Paulo, resolveu mudar a rotina e começou a se exercitar diariamente. O resultado não poderia ter sido mais satisfatório, já que o educador físico Roberto Onety emagreceu 40 kg em um ano, ficou mais saudável e deixou de sofrer ataques.

saiba mais

O jovem conta que sofria preconceito e se sentia mal ao olhar seu corpo no espelho. A insatisfação foi o que motivou Roberto para que ele começasse a alterar sua rotina. “Eu estava sentido dores no corpo, me olhava no espelho e sentia vergonha de mim mesmo. Além disso, qualquer coisa que eu fazia começava a suar igual uma torneira aberta e não chamava a atenção de nenhuma mulher. Foi então que decidi mudar”, explica.

Roberto ainda quer diminuir o percentual de gordura no corpo (Foto: Roberto Onety / Arquivo Pessoal)Jovem ainda quer diminuir o percentual de gordura
no corpo (Foto: Roberto Onety/Arquivo Pessoal)

Os problemas com o peso extra acabavam não o afetando apenas fisicamente, mas também psicologicamente, graças a comentários preconceituosos de pessoas próximas a ele. “Eu era chamado de gordo o tempo inteiro. Zombavam de mim, tudo era motivo de piada e eu sempre era a última escolha em atividades esportivos”, explica Roberto.

Ele resolveu mudar o dia a dia começando pela alimentação e, depois, iniciando uma rotina de exercícios. “Peguei uma dieta na internet de 1.500 calorias por dia. Imprimi e grudei na geladeira de casa. Comecei a correr 30 minutos todos os dias e fazia séries de 1.000 abdominais por dia em casa”, explica.

Roberto começou a nova rotina pesando 116 kg e, em um ano, ele conseguiu alcançar a marca de 76 kg. “Hoje mantenho o meu peso em 86 kg e minha meta atualmente é diminuir o percentual de gordura. Estou com 10% mas o objetivo são os 7%”, conclui.

Fonte: http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/12/apos-sofrer-bullying-jovem-faz-series-de-mil-abdominais-e-emagrece-40-kg.html

Publicitário emagrece 35 kg após falência, divórcio e furto de carro

 

Publicitário emagrece 35 kg após falência, divórcio e furto de carro

Wallace Pires se tornou triatleta e até ganhou provas em sua categoria.
Vendedor e publicitário superou depressão que o fez chegar a 115 kg.

Natasha GuerrizeDo G1 Santos

Wallace emagreceu 35 kg após superar depressão, em Santos (Foto: Arquivo pessoal)Wallace emagreceu 35 kg após superar depressão em Santos (Foto: Wallace Pires/Arquivo Pessoal)

Um vendedor e publicitário de Santos, no litoral de São Paulo, emagreceu 35 kg após superar uma depressão por ter seu carro furtado e seu negócio ir à falência. Wallace Pires conta que chegou a pesar 115 kg. Com a ausência de um automóvel para iniciar no novo emprego em São Caetano do Sul, no ABC paulista, ele se sentiu motivado a procurar uma academia e a caminhar todos os dias para ir ao trabalho.
Pires lembra que, antes de abrir sua própria empresa, tinha um emprego estável em uma multinacional até o ano de 2010 e jamais imaginava que uma nova empreitada mudaria sua vida de forma negativa. “Eu tinha uma situação financeira ótima. Senti bastante quando minha firma faliu. Pior foi ver amigos se afastando de mim e a minha esposa pedir o divórcio. Entrei em depressão, ganhei peso. Ensaiei até mesmo morar na rua de tão devastado que fiquei”, conta.

Wallace, de Santos, superou obesidade e passou a competir no Ironman (Foto: Arquivo pessoal)Wallace, de Santos, superou obesidade e passou a
competir no Ironman (Foto: Arquivo pessoal)

Depois de alguns meses, Pires conseguiu um emprego em São Caetano do Sul, após uma indicação de seu padrinho de casamento. Um dia antes de começar a trabalhar em uma nova cidade, Wallace decidiu ir à missa para rezar e agradecer a oportunidade conquistada. Após sair da igreja, se deparou com uma surpresa nada agradável: seu carro não estava mais estacionado próximo ao local. “Foi um desespero. Achei que nada mais ia dar certo. Hoje, eu gostaria de encontrar o ladrão do meu carro e agradecê-lo. Se não fosse pelo furto, não teria melhorado meu físico e minha qualidade de vida”, diz.
O trajeto de ida e volta ao trabalho era de exatos 8 km de caminhada. O publicitário lembrou que tinha uma bicicleta em casa e, assim, passou a utilizá-la para cumprir o percurso. Quando conseguiu conciliar o emprego com a academia, decidiu realizar um sonho de infância: participar de uma prova de triatlo. Sua estreia em uma competição na modalidade foi no Troféu Brasil de Triathlon, em Santos, com o percurso de 750 m de natação, 20 km de bicicleta e 5 km de corrida. Por conseguir completar a prova , a motivação de Wallace cresceu ainda mais.

Medalhas conquistadas por Wallace por participações no triatlo, em Santos (Foto: Arquivo pessoal)Medalhas conquistadas por Wallace por participar
no triatlo, em Santos (Foto: Arquivo pessoal)

Desde então, sua rotina incluía natação às 7h. Após às 8h, se locomovia para trabalhar e, depois, intensificava seus treinos em aulas de spinning (bicicleta) e corrida na esteira da academia onde se matriculou. Nos fins de semana, aproveitava para fazer treinos de longa duração. Começou a pedalar 100 km aos sábados e corria, em média, 15 km aos domingos. “Treinar não era mais um problema, passou a ser prazeroso. Emagrecer foi consequência”, explica o vendedor que, em oito meses, emagreceu 18 kg.
Em 2012, fez sua primeira preparação para uma prova do Ironman, uma das mais importantes competições da modalidade e, em 2013, participou da competição pela primeira vez. Chegou a vencer provas de triatlo. Hoje com 80 kg, Wallace dá uma dica para quem deseja ficar mais determinado a emagrecer. "O esporte é a válvula de escape para uma pessoa e faz você socializar melhor. E quando passamos a praticar alguma modalidade, fica mais fácil também para controlar a alimentação. Tudo flui naturalmente", completa.

Fonte: http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/12/publicitario-emagrece-35-kg-apos-falencia-divorcio-e-furto-de-carro.html

Meus comentários: Note que a mulher dele escolheu justo o pior momento possivel para pedir o divórcio. As mulheres são assim, elas tentam afundar os homens nos momentos em que eles estão mais vulneráveis.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Thamy Gretchen faz palestra para debochar de homens com pinto pequeno

 A filha da Gretchen é lésbica e agora ela está dando palestras para debochar de homens com pinto pequeno. O mote do deboche é ridicularizar os homens com pênis pequeno, esfregando na cara deles que ela, que é uma mulher que nem tem pênis, consegue uma mulher gostosa e os homens com pinto pequeno não conseguem. O objetivo é deslocar a culpa para os homens de pinto pequeno, dizendo algo como : “Se você não consegue uma mulher gostosa é por SUA CULPA, porque você é MAU e INCOMPETENTE e não porque o seu pinto é pequeno”. A lésbica pilantra disfarça o deboche fingindo que dá palestras de “auto-ajuda” para os homens com pinto pequeno. E sempre tem homem idiota que acredita nas lorotas das mulheres e até pagam para serem humilhados em publico nessas palestras. Aliás, existe até um setor econômico nos EUA, que essa Thamy Gretchen agora está querendo trazer para o Brasil chamado de SPH: Small Penis Humiliation, no qual homens com pênis pequeno pagam para mulheres debocharem dos pintos deles em publico. Um masoquismo auto-humilhante comparável apenas ao fetiche dos cornos-mansos. Enfim, vejam só a propaganda dessa lésbica psicopata:
Thamy Gretchen debocha de homens com pinto pequeno
Pois é Thammy. Dinheiro, lingua, lingua e lingua. De fato, o complexo de inferioridade que o pênis pequeno gera no homem, faz surgir na cabeça dele a idéia de que ele tem que ficar lambendo a buceta da mulher, para que o sexo oral compense a falta do pinto grande.
Fazer sexo com uma mulher como se fosse uma lésbica, porque é assim que as lésbicas fazem sexo: elas ficam lambendo a buceta uma da outra. Aparentemente até faz sentido essa idéia: se o homem não tem um pinto respeitável, ele deveria fazer sexo como uma lésbica e ficar lambendo a buceta da mulher. Mas, como toda solução simplista, essa solução é falsa e nunca daria certo para um homem.
Veja bem, um homem, mesmo com pinto pequeno jamais conseguiria namorar uma lésbica. Os homens não conseguem namorar mulheres lésbicas, os homens só conseguem, no máximo, conquistar mulheres heteros e mulheres heteros querem PIROCAS RESPEITÁVEIS.
As lésbicas até se contentam com essa lambeção toda, muito embora toda lésbica no fundo tenha muitas fantasias com sêmen. Mas a lésbica sim pode se contentar só com lingua. Já a mulher hetero, que é o único tipo de mulher que os homens conseguem, nunca se contentaria com um homem com pinto pequeno e, se uma mulher namora ou se casa com um homem mal dotado, com uma certeza de 100% ela vai chifrá-lo com muitos amantes e é provável até que ela o transforme num corno manso, como a Marta Suplicy fez com o Eduardo Suplicy do PT.
Além do mais, mesmo que a mulher se contentasse com o pinto pequeno do homem, o homem nunca se contentaria com o próprio pinto, se ele for pequeno. E o pinto pequeno invariavelmente gera um profundo complexo de inferioridade no homem, que o leva a procurar mulheres dominadoras, dominantes, feministas que o humilhem e o menosprezem, porque na cabeça do homem com pinto pequeno, apenas as mulheres feministas que humilham os homens são mulheres sinceras, porque ao humilharem eles, elas satisfazem o complexo de inferioridade que esses homens sentem por si mesmos. É por essa razão que somente homens com pinto minúsculo se casam com mulheres feministas, o que leva essas mulheres a um estado de constante frustração sexual, que as induz a constantemente fantasiarem sobre estupro, porque essa fantasia é a única na qual elas se permitem ter sem sentirem a culpa de imaginarem que estão a planejar trair seus maridos. Toda feminista que fala muito sobre cultura do estupro é porque tem um marido ou namorado com pinto pequeno e essa fantasia de estupro serve para elas como uma válvula de escape para elas fantasiarem um sexo que elas nunca conseguem ter com seus próprios maridos de pinto pequeno. Aliás, é óbvio que somente homens de pinto pequeno se casam com feministas, porque os homens bem dotados, são como o Alexandre Frota, são machos alfa comedores que estão sempre fazendo sexo com muitas mulheres gostosas e jamais se rebaixariam para se casarem com mulheres gordas e feministas. Pode ter certeza: se uma mulher feminista é casada, o marido dela tem o pinto bem pequenininho. E essa é a origem da frustração sexual dessa feminista e do ódio que ela sente pelos homens e do motivo pelo qual volta e meia elas cacarejam sobre a inexistente cultura do estupro. Aliás, na cabeça das feministas, a cultura do estupro TEM QUE EXISTIR, porque essa é a única esperança que elas tem de fazer algum sexo com um homem bem dotado, sem se sentirem culpadas por estarem traindo os seus maridos.

Veja o video acima de como é a noite de nupcias entre um homem com pinto pqueno e uma mulher. Ela olha para o pinto pequenininho dele e começa a chorar. É isso que você quer para a sua vida? De que adiantou você ser um Guerreiro da Real, ter ficado rico e pagado uma prostituta para fazer sexo com você e aí, na sua frente, ela olha para o seu pinto e começa a chorar. Eu pergunto: adiantou todos os conselhos de desenvolvimento pessoal dos fóruns da Real para você, nesse caso? Esse é o destino de todo Guerreiro da Real. Ah, mas você foi na palestra da filha da Gretchen aonde ela disse que não importa você ter o pinto pequeno. Mas você paga para uma prostituta fazer sexo com você e aí, quando ela vê a minhoquinha que você tem no meio das pernas ela começa a chorar. Lembrar da Palestra da Thamy Gretchen vai fazer com que você não se sinta um LIXO HUMANO quando a mulher rir do tamanho do seu pau? Antigamente, quando as mulheres se casavam virgens, essa questão do tamanho do pênis dos homens realmente não importava, porque as mulheres geralmente se casavam virgens e nunca tinham visto os pênis de outros homens, então elas não tinham como comparar, além do fato de que antigamente não existia a pornografia. Mas hoje em dia, toda mulher é mais rodada do que pneu de caminhão e tem a buceta mais larga do que o Canal do panamá e hoje em dia a mulher não se satisfaz com homens com pinto pequeno. Até uma mulher que seja evangélica e que se case virgem, no minimo ela vai ver alguma pornografia na internet ou numa revista algum dia e vai ver uma piroca respeitável e vai se frustrar com o pintinho minúsculo do próprio marido. Eu estou dizendo galera, a sociedade moderna é um ambiente totalmente inóspito para os homens e foi talhado para destruir os homens. A masculinidade já foi extinta e não sobreviveu ao teste da seleção natural. Agora, cabe-nos nos apropriar da feminilidade das mulheres, para nos vingar delas, pelo que elas fizeram aos homens. Se nós não nos protegermos mutuamente, as feministas vão arrancar o nosso couro. Mas nós temos a chance de dar a volta por cima e recuperarmos todo o poder perdido para as mulheres. É por essa razão que eu recomendo que os homens com pinto pequeno, menores do que 14 cm, virem travestis para satisfazerem os homens bem dotados. Mas mesmo homens bem dotados, que sintam vontade de serem travestis, também podem virar travestis e existem muitas travestis muito bem dotadas também, que são muito valorizadas e basta nos lembrarmos da famosa travesti Argentina Mariana Córdoba, que tem uma das maiores pirocas da indústria pornô. Aliás, se o homem de pinto pequeno decidir virar uma travesti, ele não precisa namorar ou fazer sexo com outros homens; mas aí sim ele poderia namorar uma lésbica, porque o único tipo de homem que atrai uma lésbica são as travestis, porque elas tem formas femininas. Tem muitas travestis que tem namoradas mulheres e até que se casam com mulheres, mas isso só acontece porque as formas femininas da travesti conseguiu atrair uma mulher com tendências lésbicas. Portanto, os homens com pinto pequeno só vão ter vantagens se decidirem virar travestis: vão virar verdadeiros alfa sexuais e vão conseguir seduzir praticamente qualquer homem ou mulher que quiserem.
E as travestis de pinto pequeno, geralmente, são as que conseguem ficar mais lindas e femininas, até por um efeito de supercompensação pelo pênis pequeno. E, ao contrário do que faz pensar o senso comum, as travestis seduzem praticamente qualquer homem hetero que elas queiram. É virtualmente impossivel para qualquer homem resistir à sedução de uma travesti linda. Isso não depende de crenças ou de formação religiosa; mas sim de uma resposta biológica incondiconal, porque a beleza feminina das travestis ativa o sistema reptiliano dos homens e faz surgir em qualquer homem uma vontade irresistivel de fazer sexo com a travesti. Os homens que mais xingam e mais ofendem as travestis são justamente aqueles que estão sendo mais afetados no seu sistema reptiliano pela beleza feminina das travestis e bastaria para a travesti dar qualquer comando para o homem homofóbico, que em 90% dos casos ele obedeceria qualquer ordem da travesti e até daria a bunda para a travesti ou chuparia o pau dela, se ela mandasse. Os evangélicos e os religiosos homofóbicos são os que mais facilmente se entregam para a beleza feminina de uma travesti e viram as maiores baitolas entre quatro paredes, justamente porque os religiosos gastam muita energia cerebral de seus sistemas límbico e do córtex cerebral para reprimir o desejo sexual originado pelo sistema reptiliano o que leva mais rapidamente ao estado de colapso do sistema nervoso e da total entrega sexual à viadagem. Os mais homofóbicos são justamente aqueles que tem o potencial de serem os maiores viadinhos entre quatro paredes. Aqueles nossos velhos conhecidos, os guerreiros da Real, por exemplo, que sempre estão a xingar e a ofender a mim e às travestis, eles fazem isso justamente porque as minhas postagens despertam neles o desejo de darem a bunda e de serem os viados enrustidos que no fundo todos eles são. Basta nós nos lembrarmos do relato da travesti Raziel, que era um Guerreiro da Real e depois ficou com tanta vontade de dar a bunda, que decidiu virar uma travesti. E eu realmente recomendo para os Guerreiros da Real que eles virem travestis, porque se eles sabem tanto como as mulheres deveriam ser, então ninguém melhor do que eles para se transformarem nas mulheres-travestis perfeitas para os homens, não é? Além do mais os Guerreiros da Real já provaram que o cérebro deles é totalmente inútil para nos ajudar na luta contra o feminismo. Então, já que não podemos usar o cérebro deles, quem sabe se não encontrarmos uma nova utilidade para o cú deles, a gente não consiga aproveitar melhor os Guerreiros da Real na nossa luta  contra o feminismo, não é?
capture-20140503-174428
 A atração não é uma escolha
Alterar as expectativas virar travesti
Cansado da namorada te abandonar
Homen de pinto pequeno vire travesti para virar alfa
Homens com pinto pequeno deveriam virar travestis

Por que virar uma travesti 2
Punheta grátis para as travestis Masculinistas
Seja uma travesti masculinista
Seu processo rumo a homossexualidade já começou
Torne-se uma travesti
Transforme o seu cu em um ativo financeiro
Travestis são a maior invenção dos homens sarina valentina

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Case somente se a mulher for virgem, senão fique solteiro mesmo

 

Case somente se a mulher for virgem, senão fique solteiro mesmo

piriguete

virgem_filhos

Resposta 1: Homens não salvem as vadias!!
Toda novinha, dá sua virgindade, pro maloqueiro da escola, pro bombado da academia, pro traficante da esquina, esses cafagestes possuem coleção de virgindades, tiraram a virgindade de centenas de putinhas, mas pra voce que era bom rapaz, elas não entregam a virgindade, só dão sexo depois de meses de namoro, joguinhos, brigas, frescuras e dor de bolso $$$, mas pra cafageste, bandido, playboy, pra esses elas dão sexo em 3 minutos de conversa, mesmo que o cara seja desconhecido, pra voce demora meses, pra eles é em 3 minutos, vai mesmo aceitar uma mulher que faz isso?
Depois de rodar, dar pra todo mundo ,dar a virgindade pra cafagestes, esnobar homens bonzinhos, pisar, maltratar, faze-los gastar todo o dinheiro e tempo com elas, a troca de quase nada, até que fiquem velhas e acabadas com 35 anos de idade, agora já mãe $olteira ou mãe intere$$eira se preferir, agora querem um homem bom certinho, que trabalhou duro, educado, romantico, que cuide do pivete traficante delas, que aceite seus joguinhos, exigencias e frescuras, sendo que elas não valem nada!!
Por isso voce deve casar com uma virgem, ainda existe mulher virgem sim, basta procurar, pra saber se é virgem mesmo, pague um exame, o mesmo que é usado pra saber se a mulher foi abusada sexualmente, o exame é com DNA é impossivel esconder, se algum traficante tiver dado aquela gozada monstra, o DNA vai acusar, mesmo após anos, pois DNA não falha hahaha.

garota-quer-promover-a-marcha-das-virgens-mas-falta-gente.jpg.280x200_q85_crop

Resposta 2: Pq algumas mulheres dão a virgindade ao primeiro cafageste e depois ficam procurando h sério p/casar?
E nem venham dizer que é ingenuidade ,pois,hoje em dia menna ingênua de 15 anos é quase impossível e nem venham me dizer que o cara forçou,pq a maioria das vezes ela abre as perninhas pq quer !!!
O q me deixa zangado é que depois que os vagabundos arrombam até o cúuu delas , elas acham que tem homem suficiente de assumir tantas meninas que foram levianas.
E o pior é que após não achar quem assuma uma falada e arrombada anda solteira que perdeu sua virgindade voluntariamente,muitaas ficam dizendo que está difícil homem sério!
Homem sério existe,mas,vcs acham q um cara que não gosta de baladas,estuda e é um bom caráter vai s arriscar com uma mulher de passado mais sujo do que pau de galinheiro?
Detalhes Adicionais
Minha esposa atual antes de se casar comigo,namorou um cara que queria "comer" ela,mas,ela não aceitou e casou virgem comigo. Nos amamos e temos 2 filhos lindos. Se a mulher quiser "segurar" a perikitaaa,ela "segura" !!
Claro que não se pode exigir virgindade de viúvas,divorciadas,estupradas,mulheres q nasceram sem hímem(menos de 1 por cento) ou mulheres que perderam a virgindade em acidentes. Essas duas últimas ocorrências podem ser comprovadas pela falta de qualquer vestígio himenal ou por relatos de testemunhas (neste caso em perda raríssima de virgindade em acidente).

Fonte: https://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20140220035733AArm1ZD

 

Virgem banner

ShareThis

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...